Nossa colega da Publicidade e Propaganda é candidata a musa do Brasileirão, para isso ela precisa de votos, e o jogo está pesado contra a candidata do Palmeiras mas um golzinho a mais ela empata e pode virar este jogo. Ajude a Roberta Medeiros a levantar mais este caneco. Mesmo torcendo pro AVAÍ, vale a pena deixar a rivalidade nesta hora. quer o link? Globo esporte ou http://globoesporte.globo.com/ESP/Musas2007/0,,Q8445-8727,00.html
Enjoy


:: Postado por: userID: 8285946700firstName: às 10h18
[  ] [ envie esta mensagem ]
 

______________________________________________





Demorou pra eu ver o vídeo, mas valeu a pena. Tá demais galera, é isso mesmo, alto astral e alto astral e "altos astral". Falta pouco e há muito que fazer. Enjoy


Post: Nosbor

:: Postado por: userID: 8285946700firstName: às 09h05
[  ] [ envie esta mensagem ]
 

______________________________________________





A Manuela Paula da 4a fase pp matutino, me passou este vídeo, adivinhe o produto.
As mãos fazem coisas realmente são incríveis.



Este outro não sei se é de uma premiação do Oscar, lindo tb. Só que aqui são corpos e não somente mãos.


enjoy

:: Postado por: userID: 8285946700firstName: às 08h36
[  ] [ envie esta mensagem ]
 

______________________________________________





Em uma época onde os olhos publicitários voltam-se para o cone sul, los hermanos arrebatando prêmios, nosso camisa 10 da publicidade expõe seus pensamentos de forma clara e interessante.

[...] Neste momento, quando a publicidade mundial burramente valoriza a forma em detrimento do conteúdo, isso trabalha ingenuamente a favor.
Somando-se a esse fato a presença de alguns novos e interessantes talentos criativos, a coisa vai melhor ainda. Tudo muito bom e muito respeitável. Mas com o discurso e a análise errados. [...]

Confira na íntegra o texto no
acontecendo aqui.
Enjoy
Post-Nosbor

:: Postado por: userID: 8285946700firstName: às 08h32
[  ] [ envie esta mensagem ]
 

______________________________________________






Não é jabá!
Este mês entrou na Sky o ManagemenTV. Feito com conteúdo reunido pela HSM, o novo canal é uma aula de administração e marketing. Entrevistas, documentários e debates sobre o mundo dos negócios, tendências e cases deixam a programação imperdível. Quem tiver como gravar, comece logo a fazer seu arquivo. Vale a pena.

Postado por AME-PP - Prof. Diego Moreau

:: Postado por: userID: 8285946700firstName: às 13h58
[  ] [ envie esta mensagem ]
 

______________________________________________





A partir de janeiro de 2008, Brasil, Portugal e os países da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa - Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor Leste terão a ortografia unificada.
O português é a terceira língua ocidental mais falada, após o inglês e o espanhol. A ocorrência de ter duas ortografias atrapalha a divulgação do idioma e a sua prática em eventos internacionais. Sua unificação, no entanto, facilitará a definição de critérios para exames e certificados para estrangeiros. Com as modificações propostas no acordo, calcula-se que 1,6% do vocabulário de Portugal seja modificado. No Brasil, a mudança será bem menor: 0,45% das palavras terão a escrita alterada. Mas apesar das mudanças ortográficas, serão conservadas as pronúncias típicas de cada país.
Resumo da ópera - o que muda na ortografia em 2008:
- As paroxítonas terminadas em ?o? duplo, por exemplo, não terão mais acento circunflexo. Ao invés de ?abençôo?, ?enjôo? ou ?vôo?, os brasileiros terão que escrever ?abençoo?, ?enjoo? e ?voo?.
- mudam-se as normas para o uso do hífen
- Não se usará mais o acento circunflexo nas terceiras pessoas do plural do presente do indicativo ou do subjuntivo dos verbos ?crer?, ?dar?, ?ler?, ?ver? e seus decorrentes, ficando correta a grafia ?creem?, ?deem?, ?leem? e ?veem?.
- Criação de alguns casos de dupla grafia para fazer diferenciação, como o uso do acento agudo na primeira pessoa do plural do pretérito perfeito dos verbos da primeira conjugação, tais como ?louvámos? em oposição a ?louvamos? e ?amámos? em oposição a ?amamos?.
- O trema desaparece completamente. Estará correto escrever ?linguiça?, ?sequência?, ?frequência? e ?quinquênio? ao invés de lingüiça, seqüência, freqüência e qüinqüênio.
- O alfabeto deixa de ter 23 letras para ter 26, com a incorporação de ?k?, ?w? e ?y?.
- O acento deixará de ser usado para diferenciar ?pára? (verbo) de ?para? (preposição).
- Haverá eliminação do acento agudo nos ditongos abertos ?ei? e ?oi? de palavras paroxítonas, como ?assembléia?, ?idéia?, ?heróica? e ?jibóia?. O certo será assembleia, ideia, heroica e jiboia.
- Em Portugal, desaparecem da língua escrita o ?c? e o ?p? nas palavras onde ele não é pronunciado, como em ?acção?, ?acto?, ?adopção? e ?baptismo?. O certo será ação, ato, adoção e batismo.
- Também em Portugal elimina-se o ?h? inicial de algumas palavras, como em ?húmido?, que passará a ser grafado como no Brasil: ?úmido?.
- Portugal mantém o acento agudo no e e no o tônicos que antecedem m ou n, enquanto o Brasil continua a usar circunflexo nessas palavras: académico/acadêmico, génio/gênio, fenómeno/fenômeno, bónus/bônus.


:: Postado por: userID: 8285946700firstName: às 04h56
[  ] [ envie esta mensagem ]
 

______________________________________________






O Brasil passou a ter a maior comunidade de usuários de Messenger do mundo. O número de brasileiros que usam MSN atingiu 30,5 milhões de pessoas, de acordo com a Microsoft, o equivalente a 11,4% dos usuários do programa de mensagens instantâneas da companhia em todo o mundo.

De cada quatro internautas brasileiros, três usam o programa. Nos EUA, outros programas, como o do Yahoo! e o da AOL, também caíram no gosto dos usuários.

O Brasil já garante à Microsoft uma das cinco melhores receitas publicitárias do mundo. A companhia, no entanto, não divulga números absolutos. Além do espaço publicitário, a empresa também oferece soluções para anúncios digitais, cujas vendas cresceram 57% nos últimos doze meses. Até agora, tem mais de 450 clientes.

De um lado esse carnaval de outro a fome total! Estudo revela que as iniciativas de inclusão digital são insuficientes para atender a demanda.

O Mapa das Desigualdades Digitais no Brasil aponta que os postos públicos de acesso à internet não são ainda em número suficiente para atender a população.

E que fatores como a localização dificultam esse acesso a pessoas de baixa renda.

O estudo foi feito pela Rede de Informação Tecnológica Latino-Americana (Ritla), organização internacional com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento tecnológico e científico, com apoio do Ministério da Educação.

Há três semanas, o estudante Sérgio Oliveira, de 45 anos, freqüenta uma sala do Projeto Casa Brasil, na cidade satélite de Ceilândia, a 24 quilômetros de Brasília, em busca de qualificação profissional para aumentar o salário. O projeto, do governo federal, oferece computadores conectados à internet e cursos que aliam tecnologia digital à cultura.

?Essa é uma chance para a população carente ter acesso à internet e se atualizar. Em outros lugares, conectar-se é muito caro?, disse o estudante.

De acordo com o levantamento da Ritla, com base em dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (Pnad) de 2005, realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), os centros públicos foram usados por somente 2,1% da população a partir dos 10 anos de idade. Essa parcela prefere se conectar de casa (10,5%), do trabalho (8,3%), da escola (5,4%) e de lugares pagos, como as lan houses (4,6%).

O estado de São Paulo, informa o estudo, tem os melhores índices de acesso popular: 2,4% . No outro extremo, apenas 0,1% da população de Alagoas com menor renda buscou a internet nos postos públicos.

Em todo o país, apenas uma parcela de 0,9% da população de baixa renda acessou a rede gratuitamente, contra 4,5% da população de renda mais alta. O estudo não apresenta o valor da renda da população pesquisada, dividida em dez faixas. E sugere uma revisão das estratégias de expansão dos centros públicos e das desigualdades sociais, que se refletem nos índices de acesso de acesso à internet e, conseqüentemente, no uso das tecnologias de informação e da comunicação.

?Se não formularmos ou apoiarmos, firmes e decididamente, medidas que diminuam as desigualdades existentes ou que limitem sua consolidação, estaremos só reforçando o círculo perverso da exclusão?, conclui o texto.

fontes: CCSP e plantão info Enjoy

:: Postado por: userID: 8285946700firstName: às 03h04
[  ] [ envie esta mensagem ]
 

______________________________________________





Quer dar aquele "trato" no seu portifólio sem abrir mão da "malhação"? e quem sabe você possa malhar pensando em nada ou talvez num job. Na AMEpp o trabalho não para, estamos com uma equipe trabalhando a mil, e há jobs que estão na fila e podem ajudar seu portifólio decolar. Seja um voluntário da AMEpp. Para informações procure os professores Diego e Robson. Enjoy


:: Postado por: userID: 8285946700firstName: às 02h54
[  ] [ envie esta mensagem ]
 

______________________________________________





Agência Modelo Experimental de Publicidade e Propaganda da Faculdade Estácio de Sá de Santa Catarina.

 

Estácio de Sá

 

Cafofo Subliminar

Sim, Viral.

Idéias a Fim

Pub Café

iZIP

Brainstorm #9

ComGurus

Blue Bus

Meio & Mensagem

 

ABAP

ACP

Sapesc

CONAR

 

W/Brasil

Age

BZZ

Quadra

OneWG

9mm

D/Araújo

NeoVox

Prime Brasil

Propague

Talens

Unique - Smart Media

Decisão Comunicação

Fórmula Comunicações

Media com

 

Folha de S. Paulo - Publicidade

AdOnline

Acontecendo Aqui

Ala VIP

 

 

Coordenação da AMEpp

 

Prof. Robson Vicentin

Prof. Diego Moreau

 

 

Coordenação do Curso

 

Prof. Nicolas Caballero Lois

 

Layout por Rachel Martins

 

 

 

 

Melhor visualização